domingo, dezembro 31, 2006

FORÇAS RENOVADAS

Is 40.28-31

INTRODUÇÃO
Neste final de ano tendemos a refletir sobre nossas ações o que fizemos e deixamos de fazer, em muitos momentos nossas forças esvaíram, mas aprendemos que no Senhor alcançamos renovo para nossas forças.


I. APRENDENDO COM A ÁGUIA
1. A águia
a) Vive 70 anos e aos 40 precisa passar por um processo doloroso de renovação;
b) Suas unhas se tornaram flexíveis (não segura a caça); o bico se encurvou (muito longo e se curva contra o peito, dificultando a alimentação); e suas penas ficam grossas (atrapalham o vôo);
c) Então ela voa bem alto, encontra um local seguro, onde fica por cinco meses e bate com o bico no paredão até arrancá-lo, depois arranca as unhas e finalmente tira suas velhas penas;
d) Aos 150 dias, sai para o famoso vôo da liberdade – testar a visão e suas habilidades.
2. O cristão
a) Temos de nos retirar por algum tempo e começar um processo de renovação - Cristo é nosso alto retiro (Sl 46.1)
b) Para que continuemos a voar um vôo de vitória, conquistar/gozar as bênçãos; devemos nos desprender de velhos costumes e atitudes;
c) Somente livres do peso do passado, poderemos aproveitar o resultado valioso que uma renovação sempre trás;
d) A renovação só ocorre quando esperamos e confiamos no Senhor;
e) Renovação significa tornar novo, recente, mudar ou modificar para melhor… Pode ser usado no sentido de "reparar", "consertar" ou reconstruir, referindo-se as cidades, ao Templo e/ou altar;


II. A RENOVAÇÃO DO CRISTÃO
1. Física
a) O nosso corpo precisa de renovo (descanso, boa alimentação) – Cristo nos concede tranquilidade (Sl 4.8)
b) O pecado e as influências do mundo fazem com que fiquemos despercebidos (Jz 6.6)
c) Acaba quando saímos da presença de Deus – Sansão (Jz 16-17,19)
d) Mesmo quando há impossibilidade humana no Senhor se renovará (2Co 12.10;Jó 14.7)
2. Intelectual

a) A falta de renovação conduz a cegueira espiritual – incredulidade, falta de fé, ...
b) A renovação gera transformação (Rm 12.2) e inconformismo com o mundo, além de fazer-nos entender a vontade de Deus e ter a mente de Cristo (1Co 2.16; Hb 8.10)
3. Espiritual
a) A Renovação Espiritual emana de Deus - A glória do Senhor nos fortalece (Cl 1.11); O senhor nos reveste de força (2Tm 4.17); Ele é a nossa força (Êx 15.2; Sl 28.7)
b) O Espírito Santo é o agente renovador (Ef 4.23), O Espírito Santo é que renova (Sl 104.30); É diária (2Co 4.16)
c) Nos conscientiza sobre o cuidado de Deus sobre nossas vidas
4. Com forças renovadas vencemos:

a) A Insatisfação – Depositar a confiança em Deus (Sl 37.5)
b) O Desânimo – Crer no descanso e na provisão divina (Pv 1.33; Jó 5.21)
c) A Ansiedade – Alegrar-se (Fp 4.4); tolerar (Fp 4.5); orar (Fp 4.6); pensar (Fp 4.8); agir (Fp 4.9; Tg 1.22)
d) Os Complexos – Ter consciência de ser um membro aceito e valioso de um grupo (1Co 12.4-25)
e) As Vinganças – Exercer o perdão (Mt 6.12-15,37; Mc 11.25; 1Jo 2.9)


CONCLUSÃO
Precisamos ter confiança de que “Tudo posso naquele que me fortalece” (Fp 4.13). Em Cristo alcançaremos êxito em nossos projetos, que o próximo ano seja de grandes vitórias e realizações.

Nenhum comentário: